Perfil do autor: David Levithan

Todo mundo tem aquele autor queridinho da vida. Aquele autor que assim que lança um livro, lá vamos nós correndo garantir nosso exemplar. Por isso nós aqui do Letras com Cafeína, vamos trazer todo mês para vocês um pouquinho da vida desses autores que tanto amamos!

 
Começamos hoje por um autor que eu  amo de paixão, David Levithan, esse lindo que me leva a falência cada vez que lança um livro.
No dia 7 de Setembro de 1972, nascia em Short Hills, New Jersey, o pequeno David. Um garoto muito criativo e que desde cedo já mostrava ter vocação para a escrita.
 
Aos 19 anos, David conseguiu um estágio na Scholastic Corporation, uma renomada editora de livros nos Estados Unidos. Lá ele começou a trabalhar na série The Baby Sitter Club, uma série de livros infantis que fazia muito sucesso na época. Atualmente ele  é um dos fundadores da editora Push, um selo dedicado à literatura juvenil que faz parte da Scholastic Press.
 
Seu primeiro  livro publicado foi Garoto encontra Garoto, no ano de 2003. Sempre voltado ao público juvenil, David escreve de uma maneira aberta e sem preconceitos, seus livros na maioria são sobre jovens homossexuais. Por este motivo, diversos protestos feitos por grupos conservadores, tentam barrar os livros escritos pelo autor.
 
Para David escrever sobre os homossexuais  é uma maneira de mostrar aos jovens leitores que o amor é o mais importante, independente da raça, cor ou sexo. Seus livros além de falar muito sobre o preconceito, também abordam temas muito diversificados. Ele sempre inova nas histórias que cria, temos protagonistas invisíveis, protagonistas que não possuem um corpo próprio e vivem a vida roubando dias de outras pessoas. Enfim, são sempre temas totalmente originais e quase nunca abordados.
"Não muito inteligente. Não muito bonito. Não muito legal. Não muito engraçado. Esse sou eu: não muito." LEVITHAN, David
Ele também trabalha muito com parceiras. Já trabalhou com John Green no incrível Will & Will; com Andrea Cremer no livro Invisível; também temos a ótima parceira dele com a autora Rachel Cohn no livro Nick and Norah.
Eu adoro o trabalho do autor, seus livros me inspiram e me divertem. O último livro que li dele, foi o livro Dois garotos se beijando, recentemente publicado pela editora Galera Record. Na história ele aborda de uma maneira muito bonita e respeitosa, o preconceito sofrido por garotos homossexuais. Pude notar um pouco de autobiografia na história, como se ele tivesse colocado no livro um pouco do que viveu na adolescência.
Muitas pessoas questionam a escrita do autor, pois ele escreve de uma maneira totalmente diferente. Seus livros não são comuns como a maioria dos livros juvenis, ele sempre inova nas histórias e seus personagens possuem personalidades fortes e marcantes, que nos fazem querer ter eles como amigos na vida real.

E vocês, gostam do trabalho do autor? Qual livro dele que vocês mais gostaram? Ah e deixem para mim sugestões de autores que vocês gostam para fazermos o perfil aqui no blog!



Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Olá!!!

    Eu não li nada desse autor, mas tenho muiiiita vontade porque eu sempre leio elogios para as obras dele, tenho Garoto encontra Garota e acho que vou gostar muiito. Achei legal essa coluna é sempre bom conhecer um pouco mais de quem admiramos né?


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Tayara, sua linda, tudo bem?
    Gostei da sua coluna, quem não quer saber quem está por trás daqueles livros que mais gostamos? Não sabia que ele era fundador de uma editora voltada para o público mais jovem. Não sabia também que a escrita dele era diferente a ponto de gerar questionamentos. Todos recomendam seu trabalho e eu não vejo a hora de conhecê-lo.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...